A bancada do PMDB vai se reunir às 15 horas para examinar a candidatura à presidência do Senado. Nesta manhã, os peemedebistas Renan Calheiros (AL), Wellington Salgado (MG) e Almeida Lima (SE) iniciaram reunião para definir posição contrária à candidatura do atual presidente da Casa, Garibaldi Alves (PMDB-RN), sob a alegação de que regras proíbem reeleições na atual legislatura.

O presidente do Senado vai levar para a reunião de hoje parecer do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Francisco Rezek que afirma que, como Garibaldi não exerceu dois anos de mandato e sim um mandato tampão, estaria liberado dessa exigência e poderia lançar seu nome para o comando do Senado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.