Alunos, servidores e professores querem saída de toda diretoria da UnB" / Alunos, servidores e professores querem saída de toda diretoria da UnB" /

Reitor da UnB decide se afastar do cargo, mas estudantes mantêm ocupação

BRASÍLIA - Em reunião da assembléia de professores da Universidade de Brasília (UnB), o reitor da instituição, Timothy Mulholland, informou por meio de comunicado oficial que se afasta do cargo para assegurar a transparência das investigações relacionadas a irregularidades na aplicação de recursos públicos pela Fundação de Empreendimentos Científicos e Tecnológicos (Finatec). http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2008/04/10/alunos_servidores_e_professores_querem_saida_de_toda_diretoria_da_unb_1266676.html target=_blankAlunos, servidores e professores querem saída de toda diretoria da UnB

Carollina Andrade - Último Segundo/Santafé Idéias |

A verba teria sido aplicada na reforma do apartamento funcional do reitor. Segundo a nota, o afastamento deve durar 60 dias e o cargo deverá ser ocupado pelo vice-reitor Edgar Nobuo Mamiya.

Ao receber o comunicado, alunos acampados na reitoria desde a última quinta-feira comemoraram. Cerca de 100 estudantes entraram na assembléia dos professores, gritando palavras de ordem, tais como: eu ocupei a reitoria! Educação não é mercadoria!. Eles também reivindicam a saída do vice-reitor e eleições paritárias para a direção da universidade.

Abr/ Antônio Cruz
Estudantes ocupam reitoria desde o dia 3
Ontem, eles decidiram fazer uma paralisação na sexta-feira por mudanças no comando da UnB. Essas operações estão mantidas mesmo com o afastamento do reitor. A ocupação da reitoria também seguirá , pelo menos, até a próxima assembléia geral, marcada para segunda-feira que vem.

Antes do anúncio, o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) falou aos professores, demonstrando solidariedade à manifestação dos estudantes por ser uma expressão tão significativa para a universidade e para a sociedade em geral. Ele disse também ser a favor do afastamento do reitor.No meu ponto de vista, o reitor teria bom senso em se afastar da universidade até que todos os esclarecimentos sejam concluídos, declarou. Alguns professores se manifestaram contra o afastamento de Mulholland.

Veja a íntegra da nota emitida pelo reitor:

"Na data de hoje, venho a público comunicar que decidi me afastar pelo período de sessenta dias do cargo de reitor da Universidade de Brasília. Esta decisão foi tomada com o objetivo de assegurar os princípios constitucionais da eficiência, publicidade, moralidade, impessoalidade, legalidade e transparência na apuração dos fatos a mim imputados.

Assim, de acordo com a lei, neste período de afastamento, assumirá o exercício do cargo de reitor o vice-reitor da universidade."

Leia também:

Leia mais sobre: UnB

    Leia tudo sobre: unb

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG