Região de Interlagos tem trânsito intenso, mas calmo

A Secretaria Municipal de Transportes da Prefeitura de São Paulo montou um esquema especial de trânsito para o Grande Prêmio Brasil de Fórmula 1, que acontece neste domingo e deve atrair cerca de 150 mil pessoas, além da movimentação habitual da região do Autódromo de Interlagos. A expectativa da CET é que aproximadamente 50% das pessoas se desloquem para o local em veículos particulares, apesar da recomendação de uso do transporte coletivo.

Agência Estado |

Cerca de duas horas e meia antes da corrida, o fluxo de veículos na região de Interlagos já é intenso, mas sem problemas graves, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

Para realizar as mudanças no tráfego, a CET mobilizou 1.265 agentes de trânsito. Foram criadas cinco linhas expressas de ônibus, sem paradas, que partirão de miniterminais temporários nos shoppings SP Market e Interlagos, estações de Metrô Jabaquara e República e do Aeroporto de Congonhas. Segundo a SMT, os veículos sairão em intervalos entre cinco e dez minutos. Quem quiser ir de táxi poderá pegar um dos 3.500 carros credenciados para atender a região de Interlagos, na Zona Sul, onde está localizado o autódromo.

Para chegar ao autódromo

A "Operação Chegada" organizada pela CET começou à meia-noite de ontem. A Av. Interlagos entre a Rua João Paulo da Silva e Praça Batista Botelho tem sentido único de circulação em direção ao bairro. A pista da Avenida Interlagos, no sentido do Bairro para o Centro, no trecho entre a Avenida Senador Teotônio Vilela e Rua Adib Casseb, está destinada para pedestres, veículos credenciados para entrada pelo portão sete e situações de emergência.

A circulação na Av. Interlagos, no trecho entre Av. João Paulo da Silva e Av. Nações Unidas, permanece inalterada.

A Avenida Senador Teotônio Vilela, entre a Rua Padre José Garzotti e Avenida Interlagos, estará bloqueada ao trânsito devido à grande quantidade de pedestres que circula pelo local. Os veículos que quiserem chegar ao centro terão que pegar um desvio pela a Av. Robert Kennedy, Ponte do Socorro e Av. Presidente João Goulart. A Ponte Vitorino Goulart da Silva terá sentido duplo de circulação.

Para saída do autódromo

Para a operação saída, logo após o início do GP Brasil, às 14h, haverá implantação de mão única de direção no sentido Centro nas seguintes vias:

- Avenida Interlagos, entre Avenida do Jangadeiro e Avenida das Nações Unidas;
- Avenida das Nações Unidas, entre Avenida Interlagos e Ponte Transamérica.

Para os motoristas que se dirigem para a região de Interlagos os acessos se darão através da Marginal Esquerda do Rio Pinheiros até a Ponte João Dias, atingindo as Avenidas Guido Caloi, Guarapiranga e Av. Robert Kennedy, ou através da Av. Washington Luis, Ponte do Socorro e Av. Robert Kennedy, ou ainda Av. Nossa Senhora do Sabará, Rua Miguel Yunes, Ponte Vitorino Goulart, Av. Jair Ribeiro da Silva, Av. Lourenço Cabreira e Av. Presidente João Goulart.

Estacionamento

Nas proximidades do autódromo, foram criadas duas áreas para estacionamento de veículos de passeio, todos identificados para facilitar a localização.

O primeiro bolsão ficará na região entre a Avenida Robert Kennedy e a Avenida Interlagos. O acesso deverá ser feito somente pela Ponte do Socorro e Avenida Robert Kennedy. Lá, poderão estacionar 9 mil veículos.

Outra área ficará na região entre a Avenida Jair Ribeiro da Silva e a Avenida Interlagos. Com capacidade para 16 mil veículos, o acesso a esse bolsão será feito pela Ponte Jurubatuba, Avenida Interlagos e Praça Batista Botelho.

Leia mais sobre Fórmula 1

    Leia tudo sobre: fórmula 1transito

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG