imperativa , afirma Bernardo - Brasil - iG" /

Reforma política é imperativa , afirma Bernardo

O ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Paulo Bernardo, voltou a afirmar que a reforma política, apesar de espinhosa, é imperativa. É possível fazermos uma acordo para que ela saia daqui a cinco anos, previu.

Agência Estado |

Ele disse que a necessidade da reforma se dá para que "os políticos não troquem de lado e nem prometam uma coisa e acabem fazendo outra." "O sistema não pode se 'esfarinhar' na frente dos nossos olhos", afirmou.

Sobre a Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO), o ministro disse acreditar que possa ser votada ainda hoje e que, se isso for feito, o trâmite estará ocorrendo dentro de um prazo normal. "Vamos incorporar as novas mudanças dentro da necessidade de ajuste, com certeza", disse, referindo-se a possíveis alterações feitas pelos parlamentares no projeto encaminhado pelo governo. Ele fez as afirmações após participar da conferência da conferência "O Impacto do Brasil na Economia Global", promovida pela Sociedade Americana (Americas Society) e o Conselho das Américas (Council of the Americas), em conjunto com o Movimento Brasil Competitivo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG