A Record deve entrar hoje com uma ação no Conselho de Auto-Regulamentação Publicitária (Conar) contra a Globo. Nas peças publicitárias alvo da confusão, a Globo cita suas atrações de maior ibope ao lado das frases: 100% de liderança e pode escolher o horário, o público ou a região, a Globo é sempre líder.

São justamente essas frases que a Record contesta em sua representação no Conar.

A emissora alega que a propaganda da concorrente é enganosa e induz o público a erro, uma vez que a Globo não é líder absoluta em todos os horários. A ação também traz reclamação com relação à mensagem subliminar contida na campanha. A Record garante que a peça traz sombras de artistas de outras emissoras, entra elas, gente do seu casting, como Eliana.

Se julgar procedente a ação, o Conar pode exigir que a Globo suspenda a circulação da campanha. Vale lembrar que a briga tem cara de troco, uma vez que a Globo acionou o Conar em abril por conta de uma campanha em que a Record falava sobre liderança.

A Globo, por meio de sua assessoria, diz que não se pronunciará, pois ainda não foi notificada da ação. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.