WASHINGTON (Reuters) - A atual recessão nos EUA ainda deve durar pelo menos mais alguns meses, o que a tornaria a mais longa crise econômica no país desde a Grande Depressão, na década de 1930, disse na quarta-feira um importante consultor econômico da Casa Branca. Temo que a economia tenha extrema probabilidade de recuar durante mais do que outros dois meses, e isso significa que será a mais longa recessão (desde a Grande Depressão), disse Lawrence Summers, presidente do Conselho Econômico Nacional, à CNN.

"Exatamente quando virá a guinada é algo que não estou preparado para avaliar," acrescentou.

"Continuaremos... a fazer o que pudermos para impulsionar a economia adiante, porque conforme reconheceu o presidente (Barack Obama), os riscos de fazer pouco demais são muito maiores do que o risco de fazer demais."

(Reportagem de Tim Ahmann)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.