Reality show estimula funcionários a demitirem colegas em empresa

Washington - A rede de televisão americana Fox acelerou a produção de um novo reality show no qual os funcionários de companhias verdadeiras decidirão quem querem demitir para cortar gastos em tempos de crise.

EFE |

A série se chamará "Someone's gotta go" ("Alguém precisa sair"), mas a data de estreia ainda não foi divulgada, informou hoje a edição digital do jornal "The Washington Post".

O programa foi ideia da "Fox", e o canal tem os direitos para os Estados Unidos, mas encarregou a produção à Endemol, a companhia holandesa que lançou o Big Brother.

A cada semana o dono ou chefe da companhia protagonista na série reunirá seus empregados e anunciará que alguém precisa ser demitido.

Ele fornecerá aos funcionários toda a informação disponível sobre salários e avaliações com o desempenho trabalhista, entre outros aspectos, e decidirá quem deixará a empresa.

Mike Darnell disse ao jornal estar convencido de que os milhões de americanos que temem perder o emprego ou já o perderam grudarão na tela para acompanhar a série.

"Fomos um passo além e abrimos os livros com os salários de todo o mundo, os relatórios de recursos humanos e deixamos que falassem uns sobre os outros: este é preguiçoso, este trabalha muito, ouvi dizer que este tem um romance... e, no final, decidirão quem sai", explicou.

David Goldberg, executivo-chefe da Endemol, explicou ao "Washington Post" que o único que não poderá ser demitido é o chefe.

    Leia tudo sobre: reality show

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG