Reajuste do Bolsa Família deverá sair em setembro, afirma Paulo Bernardo

BRASÍLIA - O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, informou nesta segunda-feira que os benefícios do programa Bolsa Família deverão ser reajustados à partir de setembro. No entanto, segundo o ministro, o governo ainda não chegou a um consenso sobre o índice de reajuste.

Carollina Andrade, repórter em Brasília |


Acho que até final deste mês ou começo de agosto isso vai estar resolvido (o índice de reajuste), mas a previsão é pra pagamento em setembro, disse o ministro após reunião de coordenação política.

A expectativa é de que o governo reajuste em pelo menos 5% o valor para os beneficiários do programa.  Com isso, o reajuste permitiria que o valor médio do benefício, hoje em R$ 85 por família, passasse para R$ 90. O valor máximo, que hoje está em R$ 182, passaria para R$ 187, sendo que o básico por família sairia de R$ 62 para R$ 67 e o pago por criança até 15 anos, de R$ 20 para R$ 21.

Atualmente, o Bolsa Família beneficia 11,4 milhões de famílias brasileiras com renda mensal per capita até R$ 137,00.

Leia mais sobre: Bolsa Família

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG