Raúl Castro e Chávez premiam Frei Betto

Os presidentes Hugo Chávez, da Venezuela, e Raúl Castro, de Cuba, entregaram no domingo os prêmios da Alba ao teólogo brasileiro Frei Betto e ao artista argentino León Ferrari, que foi representado pela neta, na abertura da primeira casa do bloco em Havana.

AFP |

"Para mim não há nenhuma vaidade em receber este prêmio, porque o faço como reconhecimento a uma obra literária que tenta dar voz às pessoas que não têm voz", afirmou Frei Betto ao receber o Prêmio Alba de Letras 2009 das mãos de Raúl Castro.

O prêmio foi concedido pela Fundação Cultural da Aliança Bolivariana para as Américas (Alba) a artistas vivos que consagram a vida e obra a engrandecer o patrimônio cultural da América Latina e Caribe, segundo a própria organização.

Consiste em um troféu e 75.000 dólares.

rd/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG