O jovem Lindembergue Fernandes Alves, de 22 anos, que manteve durante cerca de 33 horas duas adolescentes reféns dentro de um apartamento em Santo André, na Grande São Paulo, libertou, às 23 horas desta terça a jovem Nayara, de 15 anos. A outra garota, Heloá, ex-namorada de Lindembergue e amiga de Nayara, continua em poder do sequestrador.

Acordo Ortográfico A libertação de Nayara ocorreu após uma longa negociação entre o rapaz e o comando da PM via telefone celular. Segundo a Secretaria de Segurança, ela será conduzida ao IML da cidade.

Pouco antes da libertação, às 22h, foi restabelecido o fornecimento de energia elétrica que havia sido cortado seis horas antes. A decisão foi tomada porque, durante à tarde, um tiro havia sido disparado dentro do apartamento. Pela manhã, um outro tiro havia sido efetuado e, segundo a polícia, tinha como alvo os jornalistas que acompanhavam o caso em frente ao condomínio.

Para a PM, o sequestro ocorreu porque Lindembergue estaria inconformado com o fim do relacionamento com a jovem Heloá. Foi então que decidiu ir até o apartamento da garota onde ela, a amiga e dois colegas faziam um trabalho de escola.

Alves, que mora no mesmo conjunto de prédios, de início chamou o irmão da ex-namorada para jogar futebol. Durante o jogo, teria alegado que precisava ir embora, voltou até o apartamento e fez os quatro adolescentes reféns, ameaçando matar todos.

Por volta das 20h da segunda-feira, o pai de um dos meninos, estranhando a demora do filho em voltar para a casa, foi até o apartamento e acionou a Polícia Militar assim que descobriu o que ocorria dentro do imóvel. Policiais do Grupo de Ações Táticas Especiais (GATE) foram para o local e passaram a negociar com Alves.

Ainda às 21h15, um dos garotos foi liberado, e o segundo deixou o apartamento às 22h, de acordo com policiais presentes no local. Segundo a família, Alves não tem histórico de violência e teria namorado a menina durante três anos. O romance terminou há cerca de um mês e o jovem diz possuir muita munição e estar armado também com uma pistola.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.