Raio mata um lavrador e deixa outro ferido na Bahia

SALVADOR - A morte do lavrador José Cláudio Dias de Oliveira, 22 anos, atingido por um raio, provocou a evasão de trabalhadores rurais diaristas na zona rural de Brumado, cidade localizada a 654 km de Salvador. Um irmão da vítima, Antônio Carlos Oliveira, 18, também ferido pela descarga, desmaiou, foi socorrido e recebeu alta.

Bruno Astuto |

Em estado de choque e recuperando-se das lesões leves na pele, Antônio permanece calado desde que foi atingido, por volta das 15h de segunda-feira, na Fazenda Humaitá, a 15 km do centro de Brumado. Mesmo chocado diante da cena, o pai dos rapazes, José Anacleto Dias, 65 anos, conseguiu chamar os demais colegas e providenciou socorro. Os dois estavam caídos, sem fala. Logo Antônio começou a se movimentar, mas José morreu na hora, conta o pai, que se recusa a retornar ao local da tragédia.

Os jovens estavam trabalhando numa área aberta, porém com árvores ao redor, quando foram surpreendidos por um temporal, seguido de rajadas de vento, trovões e relâmpagos. Eles tentaram se refugiar embaixo de uma árvore. O lavrador Waldir Machado Marques Souza, que estava a poucos metros dos irmãos feridos, comentou que o barulho foi ensurdecedor. Foi uma coisa horrível. Um clarão riscou o céu, depois veio um barulho medonho e aí a energia elétrica caiu. Foi aí que o povo começou a gritar pedindo socorro.

Leia mais sobre: raios

    Leia tudo sobre: raio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG