Zumbilândia lidera bilheterias na América do Norte - Brasil - iG" /

Zumbilândia lidera bilheterias na América do Norte

LOS ANGELES ¿ Woody Harrelson teve a maior estreia de sua carreira nas bilheterias norte-americanas com Zumbilândia, que tomou os cinemas de assalto no fim de semana, vendendo 25 milhões de dólares em ingressos. A comédia pôs fim aos 15 dias de reinado da comédia infantil Tá Chovendo Hambúrguer, que caiu para a segunda posição, com vendas de 16,7 milhões de dólares. Ambos os filmes foram lançados pela Columbia Pictures, uma unidade da Sony Corp.

Reuters |

Quatro outros lançamentos entraram para os Top 10 do fim de semana. Um relançamento em 3D de filmes de animação da Pixar, "Toy Story" e "Toy Story 2". estreou na terceira posição com vendas de 12,5 milhões de dólares. O objetivo foi instigar o ânimo do público para a chegada de "Toy Story 3", prevista para junho de 2010.

"The Intention of Lying", com o comediante britânico Ricky Gervais, foi o quarto colocado do fim de semana, com modestos 7,4 milhões de dólares em ingressos vendidos, um pouco à frente de "Substitutos", com Bruce Willis, que está em seu segundo fim de semana.

Duas estreias empataram na sétima posição: "Whip It", o primeiro trabalho de Drew Barrymore como diretora, e "Capitalism: A Love Story", do documentarista Michael Moore. Ambos tiveram vendas de 4,9 milhões de dólares.

"Capitalism" foi exibido em metade dos cinemas de "Whip It", para o qual tinha sido prevista uma estreia superior à da comédia com Ricky Gervais.

Reforçado por críticas positivas e divulgação boca a boca antecipada, "Zumbilândia" vendeu o suficiente para cobrir seu orçamento de produção.

Woody Harrelson, que ficou famoso na sitcom "Cheers", faz um matador de zumbis que se une a uma "nerd" obsessivo-compulsiva, representada por Jesse Eisenberg, durante uma epidemia mundial de zumbis. É o trabalho de estreia do diretor Ruben Fleischer.

Harrelson vinha tendo perfil baixo nas bilheterias nos últimos anos, vivendo no Havaí com sua mulher e filhas e defendendo a legalização da maconha. Sua melhor estreia até agora tinha sido "Proposta Indecente", de 1993 (18 milhões de dólares).

    Leia tudo sobre: bilheteriawoody harrelson

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG