Slumdog Millionaire e Kate Winslet reinam no Globo de Ouro - Brasil - iG" /

Slumdog Millionaire e Kate Winslet reinam no Globo de Ouro

LOS ANGELES ¿ O filme independente Slumdog Millionaire foi o grande protagonista da 66ª edição do Globo de Ouro realizada em Los Angeles, ao obter quatro prêmios, dois mais que Kate Winslet, que levou as estatuetas por Apenas um Sonho e The Reader.

EFE |

A história dos jovens de um bairro pobre de Mumbai cujas vidas se vêem dramaticamente ligadas ao programa de televisão "Who Wants to Be a Millionaire" levou os prêmios de melhor filme, melhor direção para Danny Boyle, melhor roteiro e melhor trilha sonora.

Um resultado que deixou de mãos vazias os títulos com maior número de indicações, "O Curioso Caso de Benjamin Button", "Frost/Nixon" e "Dúvida", que concorriam a cinco prêmios.

Nesta ocasião, a Associação da Imprensa Estrangeira de Hollywood (HFPA, na sigla em inglês), que concede estes prêmios anualmente, se inclinou por produções independentes.

"O Lutador" foi a segunda fita mais agraciada da noite com dois Globos de Ouro, de melhor canção e melhor interpretação masculina para Mickey Rourke, enquanto o filme de Woody Allen "Vicky Cristina Barcelona" obteve o prêmio de melhor comédia, o único prêmio dos quatro aos quais concorria.

O recuperado Rourke, de 52 anos, teve palavras de agradecimento para quem confiou de novo nele e voltaram a lhe dar uma oportunidade na grande tela. "Foi um longo caminho para mim", disse o ator após receber o reconhecimento.

Os Globos de Ouro para as melhores atuações femininas foram parar no Reino Unido, graças ao sucesso de Kate Winslet e Sally Hawkins, ganhadoras nas categorias principais de drama ("Apenas um Sonho") e comédia ("Simplesmente Feliz"), respectivamente.

Winslet, de 33 anos, também venceu como melhor atriz coadjuvante por "The Reader", diante de rivais como a espanhola Penélope Cruz. A protagonista de "Titanic" saiu como favorita para o prêmio de atriz coadjuvante, que recebeu muito emocionada, apesar de não conseguir conter as lágrimas quando recebeu o prêmio como melhor atriz do ano.

"Isto é absolutamente extraordinário, não posso crer. Pensava que Anne Hathaway ("O Casamento de Rachel") ia ganhar. Isto é incrível", assegurou quase sem palavras Winslet em entrevista coletiva.

Até este ano Winslet tinha sido candidata a um Globo de Ouro cinco vezes sem conseguir o troféu. Também concorreu cinco vezes ao Oscar e também não tinha vencido.

Uma das maiores homenagens da noite foi para o falecido Heath Ledger, que foi considerado o melhor ator coadjuvante de 2008 por seu papel como Coringa em "Batman - O Cavaleiro das Trevas".

No entanto, o maior aplauso da noite foi para Steven Spielberg, homenageado com o Globo de Ouro honorífico Cecil B. DeMille.

O irlandês Colin Farrell levou, por sua parte, o prêmio de melhor ator de comédia por "Na Mira do Chefe", categoria na qual competia com um ausente Javier Bardem.

O roteiro se cumpriu segundo o esperado no prêmio para a melhor animação do ano, que foi para "Wall-E", enquanto a fita de animação israelense "Waltz with Bashir" ganhou como era previsível o prêmio de melhor filme em língua não inglesa.

Os prêmios de televisão foram dominados pela minissérie histórica "John Adams", que venceu quatro Globos de Ouro, a comédia "30 Rock", com três prêmios, e o drama "Mad Men", que ganhou na categoria de melhor série dramática, repetindo-se assim o resultado da última edição dos Emmy.

Tina Fey, atriz, roteirista e criadora de "30 Rock" ganhou o prêmio de melhor atriz de comédia pelo segundo ano consecutivo, sua série foi a melhor em seu gênero e seu companheiro de cena Alec Baldwin o melhor protagonista masculino.

Outros programas de televisão que obtiveram Globos de Ouro foram "Em Tratamento", "Recount" e "True Blood".

(Reportagem de Fernando Mexía)

Leia mais sobre: Globo de Ouro

    Leia tudo sobre: cinemaglobo de ouro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG