Slumdog Millionaire arrasa no Globo de Ouro e desponta como favorito ao Oscar - Brasil - iG" /

Slumdog Millionaire arrasa no Globo de Ouro e desponta como favorito ao Oscar

LOS ANGELES ¿ A 66ª edição do Globo de Ouro, realizada na noite deste domingo (11) durante um jantar de gala no hotel Beverly Hilton de Los Angeles, coroou o independente Slumdog Millionaire, de Danny Boyle, que venceu os quatro prêmios a que concorria e se credencia como favorito ao Oscar 2009.

Redação |

O filme, que vem fazendo uma carreira vitoriosa em premiações internacionais e nos Estados Unidos, recebeu o Globo de Ouro de melhor filme - drama, melhor diretor, para Danny Boyle ("A Praia", "Trainspotting"), melhor roteiro (Simon Beaufoy) e melhor trilha sonora (A.R. Rahman). Boyle agradeceu ao povo de Mumbai, na Índia, onde se passa o filme, a quem se referiu como "família". De acordo com a equipe, a festa na maior cidade indiana deve ser grande para receber os atores da produção. Na trama, um jovem indiano participa de um programa equivalente ao "Show do Milhão", mas é preso por suspeita de trapaça.

Como esperado, Heath Ledger foi escolhido melhor ator coadjuvante por interpretar o vilão Coringa em "Batman - O Cavaleiro das Trevas". Morto por overdose acidental de medicamentos no ano passado, Ledger é também favorito ao Oscar. Com a plateia aplaudindo de pé, no momento mais emocionante da festa, o diretor Christopher Nolan subiu ao palco para receber o prêmio. "Aceito esse Globo de Ouro com uma mistura de tristeza e alegria", disse. "Heath conquistou um lugar incrível na história do cinema por seu talento, como todos nós pudemos constatar. Sua falta sempre será sentida e ele nunca será esquecido."

Kate Winslet surpreendeu e levou para casa o Globo de Ouro de melhor atriz - drama por "Apenas um Sonho", e de atriz coadjuvante, por "The Reader". Emocionada, ao subir pelo segunda vez no palco Winslet mal conseguia falar. Agradeceu a Leonardo DiCaprio, seu par novamente nas telas uma década após "Titanic", e ao diretor do filme, Sam Mendes, seu marido.

No início da noite, ao receber o prêmio de atriz coadjuvante por "The Reader", Winslet agradeceu às concorrentes na categoria, entre elas a espanhola Penélope Cruz, considerada favorita por seu papel em "Vicky Cristina Barcelona". Em compensação, o longa-metragem de Woody Allen foi recompensado pela imprensa estrangeira de Hollywood como melhor filme de comédia ou musical.

Diretor Danny Boyle posa com elenco do premiado "Slumdog Millionaire" / AP

Coroando seu retorno, Mickey Rourke recebeu o Globo de Ouro de melhor ator - drama por "O Lutador", vencedor da Palma de Ouro em Cannes. "Foi um longo caminho de volta até aqui", disse no início de seu discurso. Lembrou que há sete anos quase largou a carreira, devido a problemas com o álcool, e agradeceu ao diretor Darren Aronofsky, que decidiu deixá-lo no elenco mesmo com problemas em conseguir patrocínio. Pelo mesmo filme, Bruce Springsteen recebeu o prêmio de melhor canção original.

A inglesa Sally Hawkins superou Meryl Streep e Emma Thompson ao ganhar o prêmio de melhor atriz em filme de comédia ou musical por "Simplesmente Feliz" ("Happy-go-Lucky"). Nervosa e chorando, a atriz, desconhecida do grande público, colocou o Globo de Ouro no chão para agradecer principalmente ao diretor Mike Leigh. O ator vitorioso na mesma categoria foi Colin Farrell, por "Na Mira do Chefe", que também havia garantido uma indicação a Brendan Gleeson.

Considerado favorito para o Oscar, "Wall-E" foi eleito melhor filme de animação. O diretor Andrew Stanton subiu ao palco para receber a estatueta e não esqueceu de enaltecer o pequeno elenco e o técnico responsável pelos sons do robô, Ben Burtt.

Sem surpresas para a televisão

Na parte da premiação dedicada à TV, as escolhas do Emmy parecem ter servido como parâmetro para os votantes. "30 Men" venceu novamente na categoria de melhor série ¿ drama, enquanto "30 Rock" bateu os concorrentes e foi premiada como melhor série - comédia ou musical. Além disso, Tina Fey reprisou o prêmio que recebeu no ano passado como melhor atriz e Alec Baldwin, como melhor ator. Como fez há dois anos, quando também ganhou o Globo de Ouro, Baldwin prestou homenagem a Fey, criadora do programa e colega de elenco.

Anna Paquin venceu na categoria de melhor atriz de série dramática por seu papel de Sookie Stackhouse em "True Blood". Adaptada da série vampiresca de livros escrita por Charlaine Harris, a série foi um sucesso nos Estados Unidos e entrou há pouco na grade de programação do canal HBO no Brasil. Gabriel Byrne foi premiado como ator pela série "In Treament", mas não compareceu à cerimônia.

"John Adams", da HBO, foi o vencedor na categoria de melhor filme para TV. Produtor executivo da atração na HBO, o ator Tom Hanks recebeu o prêmio. O telefilme de época ainda conquistou os prêmios de melhor atriz de minissérie ou filme para TV, para Laura Linney, melhor ator, para Paul Giamatti, e melhor ator coadjuvante, para o britânico Tom Wilkinson, reprisando o êxito do Emmy, no qual venceu em 13 categorias.

Principal adversário de "John Adams", o telefilme "Recount" levou apenas o prêmio de atriz codjuvante para Laura Dern. Dern dedicou a conquista às pessoas engajadas nas eleições norte-americanas que elegeram Barack Obama à presidência.

Homenageado da noite, o diretor Steven Spielberg recebeu das mãos de Martin Scorsese o troféu Cecil B. DeMille. Depois de assistir a um clipe com trechos de seus maiores sucessos ¿ "ET", "Jurassic Park" e "A Lista de Schindler", entre muitos outros ¿, o cineasta agradeceu às pessoas que o inspiraram, entre eles os próprios Scorsese e DeMille, e, na mesma linha, lembrou aos colegas da indústria cinematográfica que, mesmo em tempos difíceis, inspiração é fundamental para manter viva a sétima arte.

A animação "Waltz with Bashir", de Israel, foi escolhido melhor filme estrangeiro. Em formato documental, o longa-metragem retrata a jornada do diretor Ari Foldman para relembrar o período em que serviu na guerra contra o Líbano, em 1982, época do massacre nas regiões de Sabra e Shatila.

Ao contrário de 2008, em que a greve dos roteiristas fez com que a premiação se restringisse a uma coletiva de imprensa, neste ano o Globo de Ouro voltou com força total, recheado de astros, fãs gritando no tapete vermelho e com a imprensa de celebridades ressaltando a batalha entre estilistas para vestir as estrelas. Jennifer Lopez, Zac Efron, os Jonas Brothers, Johnny Depp, Sandra Bullock, Salma Hayek e Tom Cruise foram apenas alguns dos que passaram pela festa.

Este ano também marcou a estreia da nova versão da estatueta entregue aos ganhadores. As características principais, no entanto, foram mantidas: um globo terrestre circundado por um rolo cinematográfico, pesando 2,5kg, coberto por ouro de 24 quilates.

A premiação concedida pela Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood (HFPA) é a principal prévia do Oscar, que será realizado no Kodak Theatre no dia 22 de fevereiro. A lista de indicados será conhecida um mês antes, no próximo dia 22.

Veja a lista completa dos vencedores do Globo de Ouro 2009:

Melhor filme - drama : "Slumdog Millionaire"
Melhor filme - comédia ou musical : "Vicky Cristina Barcelona"
Melhor diretor : Danny Boyle, "Slumdog Millionaire"
Melhor ator - drama : Mickey Rourke, "O Lutador"
Melhor atriz - drama : Kate Winslet, "Apenas Um Sonho"
Melhor ator - comédia ou musical : Colin Farrell, "Na Mira do Chefe"
Melhor atriz - comédia ou musical : Sally Hawkins, "Simplesmente Feliz"
Melhor ator coadjuvante : Heath Ledger, "Batman - Cavaleiro das Trevas"
Melhor atriz coadjuvante : Kate Winslet, "The Reader"
Melhor roteiro : Simon Beaufoy, "Slumdog Millionaire"
Melhor canção original : Bruce Springsteen, "O Lutador"
Melhor série - comédia ou musical : "30 Rock"
Melhor ator em série - comédia ou musical : Alec Baldwin, "30 Rock"
Melhor atriz em série - comédia ou musical : Tina Fey, "30 Rock"
Melhor série - drama : "Mad Men"
Melhor ator em série - drama : Gabriel Byrne, "In Treatment"
Melhor atriz em série - drama : Anna Paquin, "True Blood"
Melhor minissérie ou filme para TV : "John Adams"
Melhor ator em minissérie ou filme para TV : Paul Giamatti, "John Adams"
Melhor atriz em minissérie ou filme para TV : Laura Linney, "John Adams"
Melhor ator coadjuvante por série, minissérie e filme para TV : Tom Wilkinson, por "John Adams"
Melhor atriz coadjuvante por série, minissérie e filme para TV : Laura Dern, por "Recount"
Melhor filme de animação : "Wall-E"
Melhor filme estrangeiro : "Waltz with Bashir" (Israel)
Melhor trilha sonora : A.R. Rahman - "Slumdog Millionaire"
Prêmio Especial Cecil B. DeMille : Steven Spielberg

Leia mais sobre: Globo de Ouro

    Leia tudo sobre: cinemaglobo de ouro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG