LOS ANGELES ¿ Avatar se aventurou em um novo território nas bilheterias mundiais durante o fim de semana, com o faturamento nas bilheterias passando dos 2 bilhões de dólares, dias depois de quebrar o recorde de Titanic. A espetacular ficção científica 3D de James Cameron faturou 2,039 bilhões dólares, depois sete semanas liderando as bilheterias, segundo os distribuidores da 20th Century Fox, no domingo.

Divulgação

Film de James Cameron deve ampliar ainda mais arrecadação após indicações ao Oscar

O filme bateu, na última segunda-feira, o recorde 1,843 bilhões dólares, fixado em 1998 por "Titanic" do mesmo cineasta. A News Corp se recusou a prever os desenvolvimentos, já que deverá haver uma nova onda de interesse com as indicações ao Oscar na terça-feira de manhã. No entanto, o estúdio apostou que "Avatar" vai quebrar o recorde de "Titanic" nos Estados Unidos, de 601 milhões de dólares até a quarta-feira.

O filme chegou a 594,5 milhões dólares depois de um fim de semana de 30 milhões de dólares nos Estados Unidos e Canadá. Os total de outros países é de 1,45 bilhão de dólares, depois de um fim de semana com 95 milhões de dólares vindos de 120 países.

O filme se manteve em primeiro lugar em muitos países, incluindo a França (vendas até o momento: 134 milhões de dólares); China (126 milhões), Austrália (84 milhões) e Brasil (43 milhões).

A única ressalva quanto à contabilidade de "Avatar" é que as vendas não são ajustados pela inflação, ou pelo fato de que os preços dos bilhetes são consideravelmente maiores para sessões 3-D.

Apesar da expectativa de que "Avatar" ganhe destaque nas indicações ao Oscar, especialmente nas categorias técnicas, o filme foi ofuscado durante a temporada de prêmios por "The Hurt Locker", um filme de guerra de baixo orçamento dirigido pela ex-mulher de Cameron.

Kathryn Bigelow acrescentou mais um troféu à sua coleção no sábado, com o Prêmio do Directors Guild of America. Apenas seis vezes em 62 anos, o vencedor do DGA não ganhou também o Oscar de melhor diretor.

"Titanic" teve 14 nomeações e ganhou 11 prêmios, incluindo melhor filme, diretor e edição. Em outros lugares da América do Norte, Mel Gibson ficou em um distante segundo lugar com o lançamento de "Edge of Darkness."

Leia mais sobre: Avatar

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.