Ano que vem o bicho vai pegar , diz Lula sobre eleições de 2010 - Brasil - iG" /

Ano que vem o bicho vai pegar , diz Lula sobre eleições de 2010

FORTALEZA - Ao se referir à campanha de sucessão presidencial que já se aproxima, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta quinta-feira, em um bairro da periferia de Fortaleza, que ano que vem o bicho vai pegar.

Agência Estado |

"Não posso falar nomes porque senão a televisão grava e a Justiça Eleitoral me pega", comentou, tendo no mesmo palanque o deputado federal Ciro Gomes, presidenciável do PSB.

Lula e Ciro, acompanhados pelo governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), visitaram as obras de construção do residencial Patativa do Assaré, no bairro Granja Lisboa. No local estão sendo construídas 576 unidades habitacionais que receberão parte das famílias que atualmente residem em áreas de risco às margens do Rio Maranguapinho.

Divulgação
Lula, o ministro da Educação Fernando Haddad e o governador do Ceará Cid Gomes
Para uma plateia de 3 mil pessoas, do alto de um palanque, Lula começou lembrando de seu passado pobre. Depois criticou o fato de muitas vezes os governantes ganharem as eleições fazendo discurso para pobre. "Chegam as eleições, você não vê ninguém falando mal de pobre. Pobre é a figura mais importante durante as eleições e depois é a mais incômoda", afirmou.

Lula também fez elogios aos políticos cearenses, em especial aos deputados Ciro Gomes e Eunício Oliveira, além de citar os ministros José Pimentel (Previdência) e Pedro Brito (dos Portos). "Levamos um tempo para consertar esse País. Aqui no Ceará, tive dois ministros ajudando que foram o companheiro Ciro Gomes, na Integração Nacional, e Eunício Oliveira, nas Comunicações. Hoje temos outros dois: o ministro José Pimentel (Previdência Social) e o Pedro Brito (Portos)".

PAC - Lula garantiu que há recursos para as obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Ele aproveitou também para elogiar os governadores da região: "O Nordeste elegeu uma turma de governadores da maior qualidade. Uma turma que a gente pode assinar um cheque em branco porque vão fazer as obras", disse.

Leia mais sobre: Lula

    Leia tudo sobre: eleiçõesfortalezalula

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG