Queda de ultraleve mata uma pessoa no RS

A queda de um ultraleve matou o músico Clinton Ruppenthal, de 38 anos, e deixou o instrutor de vôo Marco Antônio Santos, de 29 anos, gravemente ferido hoje em Venâncio Aires, a 125 quilômetros de Porto Alegre. Testemunhas disseram que o aparelho levantou vôo da pista do aeroclube municipal e caiu de bico no chão depois de atingir uma altura de cerca de 20 metros.

Agência Estado |

Os bombeiros suspeitam que o acidente tenha sido provocado pela quebra de uma barra de sustentação da asa. Ruppenthal estava aprendendo a pilotar ultraleves havia três meses.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG