Queda de barreira isola mil moradores no interior de SP

Cerca de mil moradores do distrito de Catuçaba, vizinho à cidade de São Luiz do Paraitinga, a 171 quilômetros de São Paulo, ficaram isolados por mais de 12 horas. As chuvas fortes que atingiram a região e o Estado ontem provocaram a queda de uma barreira na estrada de acesso ao distrito.

Agência Estado |

"Serviços como posto de saúde, escola e o transporte para a cidade e para Taubaté foram prejudicados, mas não houve vítimas", disse o coordenador da Defesa Civil local, José Carlos Luzia Rodrigues. Segundo ele, outras 20 barreiras atingiram parcialmente a única estrada de acesso a Catuçaba. Além disso, o asfalto também cedeu em alguns trechos.

O saldo de três dias de chuva na cidade é de 146 milímetros, o que teria provocado as quedas. Na zona urbana, 17 famílias foram removidas na noite de ontem, quando o nível do rio Paraitinga atingiu dois metros acima do normal. Hoje, outras quatro famílias foram removidas de uma área de risco no bairro Alto do Cruzeiro. Mais de 50 pessoas trabalham na operação.

Ilhabela

A chuva provocou deslizamento de uma encosta na avenida Mário Covas, isolando diversos bairros de Ilhabela até esta manhã. A via ficou parcialmente interditada também por causa da queda de duas árvores. Houve deslizamentos de terra nos bairros do Piúva e Borrifos e Barra Velha, além de uma queda de muro, no como Morro dos Mineiros.

Em São José dos Campos, cerca de dez mil pessoas ficaram sem energia elétrica das 10h40 até o início da tarde, na zona norte e região central da cidade, por causa de um curto circuito provocado pela chuva, segundo a Bandeirante Energia.

Durante a madrugada houve queda de barreira em sete pontos da rodovia SP 50, que liga a cidade à vizinha Monteiro Lobato. O nível das águas do rio Buquirinha, chegou a dois metros acima do normal, na manhã de hoje, invadindo algumas ruas.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG