A operação Alvorada foi feita em conjunto entre as polícias Civil de Pernambuco e da Paraíba

selo

Quatro pessoas da mesma família foram presas ontem na Região Metropolitana de João Pessoa, acusadas de envolvimento com uma quadrilha de traficantes da Zona da Mata Norte de Pernambuco. A operação Alvorada foi feita em conjunto entre as polícias Civil de Pernambuco e da Paraíba.

Os policiais conseguiram prender Josias Silva dos Santos, de 43 anos, o "Doda", apontado como maior traficante da Mata Norte de Pernambuco. Ele possui três mandados de prisão expedidos pela Justiça, sendo um deles por homicídio. Foram presos ainda a sua esposa Maria Anunciada da Silva, de 37 anos, e os filhos Joab Silva dos Santos, de 20, e Daniela da Silva dos Santos, de 19.

Joab e sua mãe também possuem mandados de prisão por tráfico de entorpecente. Dois filhos adolescentes do casal, de 15 e 16 anos, também foram apreendidos por participação no grupo. A justiça expediu dois mandados de busca e apreensão contra os menores.

Na casa de Doda a polícia apreendeu 400 gramas de maconha, além de um pé da droga, cultivado numa garrafa pet. Ao todo foram apreendidos também 12 celulares e vários cadernos com anotações, que serviam como livro de contabilidade da família. Segundo a polícia, vários traficantes presos este ano apontavam Doda e sua família como fornecedores da droga.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.