Quatro cidades com pedaladas garantidas

Quatro cidades com pedaladas garantidas Por Equipe AE São Paulo, (AE) - São Paulo investiu no projeto da ciclofaixa de lazer aos domingos. A rota de 5 quilômetros, na zona sul, é um começo.

Agência Estado |

Mas a cidade tem um longo caminho para chegar perto de algumas campeãs de uso de bike. Conheça como é a vida do ciclista em quatro cidades do exterior.

Amsterdã - Amsterdã é sinônimo de bicicleta bem antes de o restante da Europa começar a pedalar. Afinal, as ruas estreitas do centro, cortadas por canais, nunca foram lá muito apropriadas para carros. Hoje, 40% dos deslocamentos na cidade são feitos de bike - quase todos os moradores têm a sua. Há 400 quilômetros de ciclovias e as autoridades prometem muito mais.

Copenhague - Parece incrível, mas um terço dos moradores de Copenhague diz usar a magrela diariamente. Para os turistas, a boa notícia: não é preciso pagar para usar o sistema público de bikes no centro. Basta colocar uma moedinha no totem. Quando devolver a bicicleta, você pega o dinheiro de volta. www.bycyklen.dk.

Paris - São quase 400 quilômetros de ciclovias, além de um bem-sucedido serviço público de aluguel de bikes, o Vélib. Paris se tornou irresistível para os ciclistas. A primeira meia hora é gratuita. Pela segunda, você paga

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG