Quadro de Picasso é vendido por US$ 6,4 milhões na Austrália

SYDNEY ¿ Um quadro abstrato do pintor espanhol Pablo Picasso foi vendido na Austrália por 6,9 milhões de dólares australianos (US$ 6,4 milhões), um novo recorde nos leilões do país, informa hoje a imprensa local.

EFE |

A obra, intitulada "Sylvette" e pintada em 1954, foi leiloada terça-feira à noite pela galeria Deutscher-Menzies e comprada por uma pessoa anônima, após uma intensa disputa com outro interessado.

O preço de 6,9 milhões de dólares australianos inclui o um milhão de dólares que a galeria cobra como comissão pela venda do quadro, que faz parte de uma coleção de 40 retratos de Sylvette David, uma jovem de 17 anos que morava perto da casa do artista no sul da França, e que depois se transformou em uma artista de prestígio.

A peça fazia parte da coleção de Rodney Menzies, o proprietário da galeria australiana, que a comprou há dois anos por 4,6 milhões de dólares australianos (US$ 4,3 milhões).

O recorde anterior pago por uma pintura de arte na Austrália pertencia à obra do australiano Brett Whiteley "The Olgas For Ernest Giles", vendido pela mesma galeria e que alcançou os 3,48 milhões de dólares australianos (US$ 3,2 milhões).

    Leia tudo sobre: picasso

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG