O ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, voltou a rebater nesta quarta-feira as críticas feitas a ele pelo governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB). O ministro disse que o governador deveria tratar com mais carinho o homossexualismo que existe dentro dele próprio.

Agência Brasil
Minc não pretende processar Puccinelli
"Ele deve fazer uma análise mais profunda da declaração dele sobre o estupro em praça pública e examinar e tratar com mais carinho o homossexualismo que existe dentro dele próprio e talvez aceitar isso com mais razoabilidade", disse Minc. O ministro afirmou ainda que o governador sul-mato-grossense sofre de "desequilíbrio ambiental e patológico".

Leia tudo no Congresso em Foco

Leia também:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.