PARIS ¿ As publicações francesas VSD, Le Journal du Dimanche e Voici foram condenadas a pagar 16 mil euros (US$ 22.800) pela divulgação de fotos do cineasta Roman Polanski durante sua detenção na Suíça, onde aguarda a decisão de sua extradição aos Estados Unidos.

As penas estão muito longe dos 75 mil euros (US$ 107 mil) solicitados pelo diretor de cinema, mas representam sua segunda vitória nos tribunais: no último dia 15, a Justiça condenou o jornal "Le Parisien" a uma multa de 3 mil euros (US$ 4.200).

Foram mostradas fotos do cineasta em seu chalé na cidade suíça de Gstaad, onde está sob prisão domiciliar desde que foi solto em liberdade provisória.

A juíza considerou "legítimo" que fossem publicadas fotos de Polanski, mas considerou que elas foram tiradas sem sua permissão, com ajuda de teleobjetivas "e sem uma relação suficiente com o evento da atualidade relatado".

Além disso, considerou que a publicação das imagens "não era necessária e útil a uma informação legítima ao público", o que representa uma invasão da vida privada.

A maior condenação foi para a sensacionalista "VSD", que deverá pagar 5.500 euros (US$ 7.800) por perdas e danos, e outros 3 mil euros (US$ 4.200) em despesas judiciais.

"Le Journal du Dimanche" foi condenado a 3 mil euros (US$ 4.200) por perdas e danos, e mil euros (US$ 1.400) em despesas judiciais. "Voici" acabou tendo de pagar mil euros para cada condenação. Outros veículos também foram denunciados por Polanski por conta do mesmo caso.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.