PT não fecha questão sobre recursos ao arquivamento

A bancada do PT no Senado não fechou questão sobre a votação dos recursos contra o arquivamento das ações apresentadas contra o presidente do Senado, José Sarney, ao Conselho de Ética. Depois de reunião de aproximadamente uma hora com a bancada,o líder do PT no Senado, Aloizio Mercadante (SP), disse apenas que o partido é contrário ao arquivamento sumário de todas as representações.

Agência Estado |

Mas ponderou que cada senador votará de acordo com a sua consciência.

Durante a reunião de hoje, Mercadante disse que a bancada analisou junto com assessores técnicos e jurídicos do partido apenas uma das representações, mas não disse qual. Segundo ele, o partido vai tentar construir uma posição conjunta, mas antes quer analisar os critérios jurídicos de cada ação, para julgar a pertinência de cada um. "Seremos rigorosos na análise para sustentar nossa posição", afirmou Mercadante.

O senador também negou que exista a construção de um acordo entre governo e oposição para arquivar tanto as ações contra Sarney quanto a representação registrada pelo PMDB, contra o líder tucano Arthur Virgílio (AM). "O mandato de um senador não pode ser objeto de briga político-partidária. O conselho precisa ter cuidado para não cometer injustiça", disse.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG