Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

PT aposta na popularidade de Lula para vencer eleições

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva já dá sinais claros de que usará seu peso político e popularidade em favor das candidaturas do PT nas eleições municipais. Prova disso são as escolhas dos deputados federais Aldo Rebelo (PT-SP) e Frank Aguiar (PTB-SP) como vices na chapa de Marta Suplicy à prefeitura de São Paulo e na chapa de Luiz Marinho à prefeitura de São Bernardo (SP), respectivamente, que atendem a uma solicitação direta do presidente Lula.

Agência Estado |

 

"Sem dúvida, esperamos que o presidente assuma um papel importante e decida o jogo a nosso favor nesta eleição", afirmou Marinho, na convenção que oficializou hoje o seu nome e o de Frank Aguiar na disputa por São Bernardo.

Com isso, o PT demonstra que pretende aproveitar a alta popularidade do presidente Lula e o bom momento da economia brasileira nestas eleições municipais. "Como partido do presidente, temos que mostrar orgulho por estar ao lado de um companheiro que está resgatando a dignidade do Brasil", comentou o presidente nacional do PT, o deputado federal Ricardo Berzoini. "O cenário para o PT é muito bom. Estamos ampliando o número de candidatos e crescendo em nossa aliança", acrescentou Berzoini. Como exemplo, a coligação de Luiz Marinho inclui dez partidos, que são: PHS, PRTB, PTN, PRB, PSL, PDT, PV, PTB e PR. "Isso nunca aconteceu", disse Marinho.

A expectativa do senador Aloizio Mercadante (PT-SP) é a de que os partidos que sustentam a base do presidente Lula no Congresso Federal tenham um avanço importante nestas eleições municipais. "Apesar das eleições de 2008 e de 2010 serem distintas, o resultado da disputa municipal contribuirá positivamente para as eleições presidenciais de 2010", avaliou o senador, presente à convenção. Para Mercadante, o Brasil e o governo Lula vivem um momento muito bom neste segundo mandato, o que beneficiará o PT e seus aliados. "Estamos colhendo o fruto do que já foi feito."

São Paulo

Sobre as eleições municipais na cidade de São Paulo, Berzoini avaliou que a disputa envolvendo Democratas e PSDB em torno das candidaturas de Gilberto Kassab (DEM) e Geraldo Alckmin (PSDB) favorece a candidata Marta Suplicy, que hoje lidera as pesquisas de intenção de votos na capital paulista. "Favorece, porque um candidato está atacando o outro", disse o presidente nacional do PT. O político ponderou que não será este fator que decidirá em favor da coligação do PT. "Não se vence apenas com isso. Venceremos com a nossa competência própria e sensibilidade para elaborar um novo projeto de desenvolvimento para São Paulo", afirmou.

Berzoini também afirmou que para as disputas municipais em Minas Gerais não haverá coligação entre o PT e o PSDB. "A coligação é PT e PSB, sem o PSDB. Isso está definido há 15 dias. Agora, se o governador (Aécio Neves) quiser apoiar, é outro ponto", afirmou o político.

Leua mais sobre Lula - eleições 2008

Leia tudo sobre: eleições 2008luiz marinholula

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG