PSDB vai ao Ministério Público Federal contra Dilma e mais 7 do governo

BRASÍLIA - O sub-relator de sistematização da CPI dos Cartões, deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), apresentará na próxima segunda-feira ao Ministério Público Federal (MPF) uma representação contra pelo menos oito integrantes do governo, incluindo a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, sua secretária-executiva e principal assessora, Erenice Guerra, e o ex-secretário de Controle da Casa Civil José Aparecido Nunes. Sampaio acusa-os de improbidade administrativa por envolvimento na elaboração de um dossiê sobre os gastos do governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB).

Agência Estado |

A oposição tentará convocar também a diretora de Recursos Logísticos da Casa Civil, Maria de La Soledad Bajo Castrillo, também conhecida como Marisol, para depor na CPI.

Com a representação, o tucano quer se antecipar à produção de um eventual relatório final frágil. A relatoria dos trabalhos está nas mãos do deputado Luiz Sérgio (PT-RJ), fiel integrante da base do governo. Quero que o MP vá mais além do que a CPI, declarou. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Leia mais sobre: dossiê 

    Leia tudo sobre: dossiê

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG