BRASÍLIA - O vice-líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias, disse, nesta terça-feira, que espera que a representação do Partido contra o Presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP) seja julgada no Conselho de Ética ainda em agosto, no Congresso.

O partido defende que todas as acusações contra Sarney sejam analisadas juntas por um só relator no colegiado.

A estratégia da oposição na volta do recesso é aprovar os requerimentos de pedidos de documentos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras, logo na primeira reunião. Enquanto isso, a expectativa é de que o caso do presidente da Casa seja votado pelo Conselho de Ética e os documentos sejam analisados e votados em setembro.

Leia mais sobre: Sarney

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.