PSDB entrega lista de reivindicações para candidatos à presidência do Senado

BRASÍLIA - O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (AM), vai entregar nesta quarta-feira uma lista de reivindicações aos dois candidatos à presidência do Senado, José Sarney (PMDB-AP) e Tião Viana (PT-AC). Ele ainda pretende conversar com ambos antes de anunciar, provavelmente nesta noite, o apoio a um dos dois.

Severino Motta - Último Segundo/Santafé Idéias |

Apesar da nova rodada de conversas, o Último Segundo apurou com senadores do PSDB que o apoio a José Sarney é dado como certo. Os tucanos avaliam que, enquanto o embate com o PT é previsto em 2010, ainda há esperança de arrastar o PMDB para a aliança que pretende eleger José Serra presidente.

Na lista de reivindicações, o PSDB enumerou 12 itens para os candidatos à presidencia do Senado. São eles: Independência e defesa da Soberania da Casa; Respeito às oposições; Ser contra uma PEC que autorizaria o terceiro mandato para Lula; Haver rodízio na relatoria das medidas provisórias; Haver um procedimento para que medidas provisórias irrelevantes ou não urgentes sejam prejudicadas; Votar reformas para amenizar a crise econômica; Priorizar a reforma tributária; Aumentar a participação dos senadores nos veículos de comunicação do Senado; Apresentar proposta para reerguer a imagem da Casa; Votar os vetos presidenciais; Transparência na gestão; e Não impedir ou dificultar a criação de CPI's.

Além das reivindicações aos candidatos, o PSDB quer assegurar a primeira-vice-presidência para o senador Marconi Perillo (GO) e a quarta-secretaria para Flecha Ribeiro (PA) ¿ cargos que caberiam ao partido devido à sua representação no Senado.

Não obstante, eles querem que o futuro presidente entregue duas "comissões de primeira linha" para a sigla, como a Comissão de Assuntos Econômicos e a de Relações Exteriores.

Leia também:

Leia mais sobre: eleições no Congresso

    Leia tudo sobre: eleições no congresso

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG