PSDB é mais próximo do PMDB nos Estados, diz Aécio

O governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), disse hoje que, na contabilidade tucana, PMDB e PSDB possuem uma proximidade natural majoritária nos Estados. O governador reafirmou que trabalha para ampliar o leque de alianças e garantir palanques regionais fortes para a candidatura presidencial tucana.

Agência Estado |

"Nós fizemos aí uma contabilidade. Há proximidade natural maior do PMDB com o PSDB em mais Estados do que há essa harmonia com o PT", observou Aécio, que disputa com o governador de São Paulo, José Serra, a indicação como presidenciável do partido.

Com o fim da verticalização - que impedia que as legendas firmassem nas eleições estaduais alianças diferentes das concretizadas na disputa presidencial -, o mineiro acredita que nas eleições de 2010 irão prevalecer os interesses regionais. "Acho que o PSDB tem boas chances de apresentar alianças, além do Democratas e do PPS - que representam o núcleo de nossa ação de governo -, com o PMDB em um número muito expressivo de Estados".

Ao comentar uma notícia de que o ministro das Comunicações, Hélio Costa, estaria cotado para ser vice numa eventual chapa encabeçada pela ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, Aécio disse que não acredita em nenhuma decisão formal sobre formação de chapa antes do final de 2009. "Seja de um lado, seja de outro", destacou. "Estamos vivendo o momento das especulações. Vocês vão ver notícias como essas permanentemente soltas nos jornais". O PMDB já lançou a pré-candidatura de Costa ao Palácio da Liberdade. O ministro, que lidera as pesquisas de intenção de voto, busca o apoio de Aécio ou uma aliança com o PT.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG