Proximidade de frota americana preocupa, diz Lula

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta quinta-feira estar preocupado com a proximidade da Quarta Frota da Marinha dos Estados Unidos da fronteira marítima brasileira.

Agência Estado |

Lula lembrou que já teve chance de abordar o assunto com o presidente norte-americano, George W. Bush, e que o chanceler Celso Amorim também tratou do tema com a Condoleezza Rice. "Obviamente que nós estamos preocupados", afirmou, em entrevista após participar da solenidade de batismo da plataforma P-53 da Petrobras, na área do Porto Novo de Rio Grande (RS).

"Eles (EUA) dizem que não é nada, é apenas uma coisa de pesquisa", prosseguiu Lula. "De qualquer forma, nós estamos preocupados porque é muito próximo da fronteira marítima brasileira e nós achamos que não precisamos de Quarta Frota", completou Lula, que também havia feito referência à presença da guarnição durante seu discurso no evento de batismo da P-53.

"O que precisamos é que a Marinha brasileira tome conta das nossas plataformas e do nosso pré-sal, porque nós somos um País tranqüilo, não falamos em guerra, falamos em paz, não queremos conflito, queremos desenvolvimento, e penso que é isso que conta na política externa brasileira", finalizou Lula.

A Quarta Frota estava desativada desde a Segunda Guerra Mundial e foi colocada em operação no segundo trimestre deste ano, sendo recebida com críticas de movimentos ligados à esquerda na América Latina.

Leia mais sobre a Quarta Frota

    Leia tudo sobre: quarta frota

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG