Um grupo internacional de pesquisadores descobriu que a ativação da proteína TGR5 no intestino é capaz de reduzir o ganho de peso e de tratar o diabetes. O estudo foi publicado hoje na revista Cell Metabolism.

No estudo, a Escola Politécnica Federal de Lausanne, na Suíça, examinou o papel da TGR5 no intestino, onde essa proteína é expressada em células especializadas na produção de hormônios. Os pesquisadores observaram que essas células controlam a secreção do hormônio GLP-1, que tem papel crítico no controle da função pancreática e na regulação dos níveis de açúcar no sangue.

O grupo demonstrou, por meio de testes com camundongos em condições laboratoriais - que a TGR5 pode efetivamente tratar o diabetes e reduzir a massa corporal. Segundo eles, os resultados apontam para uma nova abordagem no tratamento do diabetes tipo 2 e da obesidade. Em outro trabalho anterior, o mesmo grupo demonstrou que ácidos biliares (produzidos no fígado e que quebram as gorduras), por meio da ativação da TGR5 em tecidos musculares e adiposos marrom, foram capazes de aumentar o gasto de energia e de prevenir, ou até mesmo de reverter, obesidade induzida em camundongos. As informações são da Agência Fapesp.

AE

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.