Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

Promotores prendem três por adulteração de combustível

Promotores do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado(GAERCO), do Ministério Público Estadual, com auxílio da Polícia Militar, detiveram, nesta madrugada de sábado, um gerente, um representante comercial e o motorista de um caminhão-tanque no interior do Posto Valdecar, de bandeira BR, localizado na altura do nº 1.552 da Avenida Piraporinha, região central de Diadema, no Grande ABC.

Agência Estado |

A denúncia era de que gasolina adulterada com solvente era vendida no estabelecimento comercial. No momento em que os promotores chegaram no posto, 5 mil litros de gasolina de um caminhão eram transferidos para os tanques. Um funcionário da Secretaria Estadual da Fazenda foi solicitado para recolher uma amostra do material e assim realizar um teste na gasolina. Foram detidos no local o gerente do posto, Wagner Vila Nova Ribeiro, e o motorista Décio Perella.

O representante comercial José Bispo dos Santos Filho, que foi contactado pelo gerente do posto e a princípio disse que era um investigador de polícia, também acabou detido ao tentar negociar, no local, horas depois, a liberação dos demais. Bispo portava um brasão da República e acabou confessando que trabalhava como assessor de um futuro candidato a deputado estadual. Os três detidos foram encaminhados ao 3º Distrito Policial de Diadema e autuados em flagrante.

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG