Projeto eleitoral para 2010 aproxima Kassab e Alckmin

Quase um ano após a eleição municipal de 2008, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), e o ex-governador paulista e atual secretário de Desenvolvimento, Geraldo Alckmin (PSDB), participaram ontem de evento público no qual tentaram mostrar união em torno do projeto eleitoral de ambos os partidos para 2010. O encontro, na vistoria de obras de uma escola na zona sul paulistana, foi o primeiro entre Kassab e Alckmin articulado pelas próprias assessorias, sem a presença do governador de São Paulo, José Serra.

Agência Estado |

Desde a disputa pela prefeitura paulistana, da qual ambos participaram, a relação entre eles estava ruim. Kassab disputou com o apoio de Serra e venceu. Alckmin terminou em terceiro lugar e ainda teve de enfrentar um racha no partido, já que parte do PSDB apoiou o prefeito.

Tucanos já vinham sugerindo a Alckmin que se aproximasse de Kassab, de modo a fortalecer sua candidatura ao governo do Estado no ano que vem. O ex-governador tem a seu favor o bom desempenho nas pesquisas e uma razoável costura política no interior paulista. Mas ainda enfrenta resistência por parte do DEM, de Kassab. O prefeito, peça importante na articulação, trabalha no bastidores pela candidatura ao governo de Aloysio Nunes Ferreira, chefe da Casa Civil de Serra.

Alckmin já vinha conversando com Kassab por telefone, mas o passo de ontem foi o mais importante no caminho de uma real aproximação. Na semana passada, a equipe de Alckmin deu o primeiro passo e telefonou para o gabinete do prefeito. Já tinha em mente a vistoria das obras da Escola Técnica Estadual (Etec) de Heliópolis - as escolas técnicas são as “meninas dos olhos” do tucano, que tem percorrido o interior para inaugurações. Kassab não poderia comparecer. O evento acabou sendo adiado para ontem.

No encontro, Alckmin e Kassab trocaram elogios discretos. Os dois foram protocolares ao comentar a aproximação. “A aliança (entre PSDB e DEM) existe, é sólida, tem um líder e vai continuar na cidade e no Estado, sempre que possível”, disse Kassab. “Há uma enorme sinergia entre município e Estado. É uma parceria em benefício da população”, desconversou o tucano. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG