O Big Brother está com um pezinho na cozinha. Sob a direção do homem do reality show na Globo e diretor do Mais Você, Boninho, Ana Maria Braga passa a dividir o espaço de sua atração com o quadro Super Chef, em que 14 participantes disputam o chapéu de chef e o prêmio de R$ 50 mil em dinheiro.

A maratona começa com a apresentação dos concorrentes. Provas e o regime de semiconfinamento devem dar o tempero necessário para prender a audiência, explica Boninho. O 'Super Chef' é um reality, convivência e relacionamento são fundamentais. Além de estar presentes diariamente no programa e na realização das provas, vamos ter uma sala monitorada por câmeras e exibidas na internet durante 7h.

Ana Maria aposta no poder da mistura entre competição, convivência e aprendizado para dar aquela pimenta necessária ao quadro. Vamos testar o talento, a superação, a criatividade, o improviso, a competitividade, enfim, todas as peças fundamentais para se ganhar um jogo, adianta a loira. Ao todo, a brincadeira vai tirar dela 15 minutos. Mas ela assegura que são bem gastos: Recebo um retorno muito positivo nas ruas sobre os nossos games, fala. Os 'realities' acrescentam e garantem novidade ao telespectador. Sempre gostei deste formato.

Boninho também. Mas ele descarta as comparações com o que se tornou um clássico do gênero, o "Hells Kitchen", reality estrangeiro comandado pelo chefe tirano Gordon Ramsey, que faz sucesso no mundo todo. O Brasil tem características próprias, menos severas, além disso, no Hells o chefe é a estrela, desconversa.

De fato, o foco do "Super Chef" está mais nos participantes que em seus professores. As vítimas precisarão comprovar conhecimentos em degustação, montagem de mesa, escolha de vinhos e ainda passam por uma prova de fogo na cozinha de um grande restaurante. O desempenho nessas atividades vai determinar quem irá para a versão gourmet do paredão, chamada "panela de pressão".

Bem ao estilo BBB, amanhã os aspirantes a chef já encaram a prova de imunidade. Quarta-feira, participam de um workshop e recebem a tarefa a executar no dia seguinte. Sexta-feira, enfim, alguém vai para a panela por indicação do júri. O próximo a dividir essa "fritura" é definido pelos votos secretos dos concorrentes. Aí o público define quem fica, por telefone e internet. Segunda-feira, Ana Maria anuncia o eliminado.

Leia mais sobre: televisão

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.