¿Pressão Total¿ apreende nove veículos no Rio

RIO DE JANEIRO - Fiscais do Departamento de Transportes Rodoviários (Detro) apreenderam, na manhã desta sexta-feira, nove veículos ¿ cinco ônibus regulares e quatro vans piratas ¿ nos nove pontos integrantes da operação ¿Pressão Total¿, que teve início hoje. Foram feitas 235 abordagens, mas nenhum motorista foi flagrado com sinais de embriaguez.

Redação |

No total, estão em funcionamento no Rio nove pontos da Pressão Total ¿ sete fixos e dois volantes ¿ durante todo o dia. Nestes locais, já havia diariamente fiscalização do Detro, reforçada agora com as equipes dos demais órgãos e com o etilômetros para medir o grau de embriaguez dos motoristas. À noite, também haverá operação, com duas equipes que atuarão em quatro locais distintos das zonas Sul e Oeste da capital.

Os motoristas flagrados embriagados com níveis de álcool superiores 0,6 dg/L no sangue e 0,3 mg/L de ar no pulmão podem ser detidos de seis meses a três anos, terão a carteira de habilitação recolhida e serão multados em R$ 957,70. Os documentos recolhidos são encaminhados ao Detran para que se inicie o processo administrativo que pode culminar com a suspensão da habilitação por 12 meses. Quem se recusar a usar o bafômetro será encaminhado à delegacia para que sejam tomadas as providências cabíveis.

Dados do Detran mostram que o álcool é responsável por 50% dos acidentes ocorridos no estado. Diariamente, são registradas sete mortes por acidente no estado, ou seja, 2.555 por ano. De cada sete óbitos, três são na capital. Entre as vítimas do trânsito na cidade do Rio, metade são motoristas alcoolizados. Com a operação, espera-se reduzir o índice de acidentes por uso excessivo de álcool pela metade, salvando mais de 600 vidas ao ano.

Leia mais sobre: Lei Seca

    Leia tudo sobre: detrolei secario

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG