RECIFE - Três portugueses foram presos pela Polícia Federal (PF) no Recife, Pernambuco, por suspeita de participação em uma rede de tráfico internacional de mulheres. De acordo com a corporação, os estrangeiros estariam envolvidos na seleção, no recrutamento e no envio de mulheres à Europa para fins de prostituição.

O grupo saiu de Palmas, em Tocantins, uma semana após o cumprimento de mandados de busca e apreensão na casa onde eles se hospedavam na cidade, no dia 27 de junho. A investigação teve início em 18 de junho após informações fornecidas por policiais civis do Estado à PF.

Foi constatado que no período de duas semanas cerca de 20 mulheres viajaram a Portugal, sendo que algumas delas já teriam retornado ao Brasil por terem sua entrada impedida pelo serviço de imigração português. Presos na terça-feira, os estrangeiros estão à disposição da Justiça Federal no presídio do Cotel, em Abreu e Lima, região metropolitana do Recife.

Leia mais sobre: prostituição

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.