Pelo menos sete pessoas foram presas na manhã de hoje durante a Operação Férias/Princesas do Sertão, da Polícia Federal, que tem como objetivo a repressão ao tráfico internacional de pessoas. Estão sendo cumpridos 15 mandados de busca e apreensão e nove mandados de prisão preventiva nas cidades baianas de Salvador e Feira de Santana e também em Vitória, no Espírito Santo.

A operação, de acordo com a PF, desarticulou duas quadrilhas que agiam paralelamente em Feira de Santana e enviavam mulheres para a prática da prostituição em clubes situados no balneário de Ibiza, na Espanha, e na cidade de Brescia, na Itália.

Segundo estimativa da PF, as quadrilhas enviaram ou tentaram enviar para a Europa, entre janeiro de 2007 e setembro de 2008, no mínimo 32 mulheres, sendo 13 para Ibiza e 19 para Brescia. Na prática, a quadrilha utilizava do serviço de aliciadores para o recrutamento de garotas e de estelionatários e falsários para emissão de passagens aéreas a partir do uso de cartões de crédito clonados, também presos no curso da operação.

A operação foi deflagrada com base em investigação conduzida pela Superintendência de Polícia Federal na Bahia em conjunto com a Procuradoria da República em Feira de Santana, na Bahia, iniciada a partir de informações produzidas pela Polícia Civil do Estado da Bahia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.