Presos seguranças suspeitos de matar dançarina em SP

Dois seguranças, Paulo Melo, de 22 anos, e Tiago Monteiro Ferreira, de 19 anos, foram presos ontem à noite suspeitos de matar a facadas a dançarina Quele Gonçalves da Silva, de 29 anos, na zona leste de São Paulo. A dançarina de forró, que usava o nome artístico de Quele Moreno, foi morta em casa, no bairro de São Mateus, quando os seguranças a procuraram para cobrar a dívida da compra de um celular, segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP).

Agência Estado |

A dupla não recebeu o dinheiro e cometeu o crime. A dançarina tentou fugir, chegou a ser levada para o hospital da região, mas chegou morta ao local. Os suspeitos foram autuados por homicídio doloso qualificado, quando há intenção de matar.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG