Presos fazem rebelião em presídio na Bahia

SALVADOR - Pelo menos 853 dos 1.442 presos da Penitenciaria Lemos Britto, no bairro de Mata Escura, em Salvador (BA), estão rebelados e fazem reféns dois agentes penitenciários, identificados como João Almeida e Aurélio, desde o final da manhã deste domingo.

Agência Estado |

Como a rebelião teve início durante horário da visita de final de semana, 177 parentes dos detentos dos pavilhões 2 e 5, onde ocorre o motim, ficaram impedidos de sair.

Dentre os parentes impedidos de sair estão 137 mulheres, 27 crianças e 13 homens. As negociações serão retomadas pela manhã.

Os presos exigem a saída do novo diretor da penitenciária, Isidoro Orge Rodrigues, definido como linha-dura, assim como a volta de dois dos 12 detentos transferidos na semana passada para a Unidade Especial Disciplinar (UED) - André Francisco, o Bilu, e Edson Conceição.

Leia mais sobre: rebelião

    Leia tudo sobre: rebelião

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG