Quatro integrantes de uma das principais quadrilhas de hackers que agem no Brasil, acusados de terem invadido diversas contas bancárias, uma delas pertencente à ex-senadora Heloísa Helena (PSOL), foram presos ontem, na zona leste de São Paulo, por policiais da Delegacia de Repressão a Roubos e Extorsões (DRRE) do Departamento de Investigações sobre Crime Organizado (Deic). De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança Pública, os presos são acusados de capturar dados de pelo menos três mil usuários através de falsos e-mails de instituições financeiras e órgãos públicos.

Conforme os policiais, os hackers chegaram a sacar dinheiro da conta da ex-senadora. Segundo o delegado Alberto Pereira Matheus Júnior, titular da DRRE, os dados obtidos nos computadores das vítimas permitiam que os hackers atacassem as contas bancárias. A quadrilha vinha agindo pela internet desde o ano passado e era investigada há quatro meses. No local onde os quatro hackers, um empresário, dois gesseiros e um vendedor, foram presos, foram apreendidos quatro computadores.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.