Preso um dos maiores contrabandistas de São Paulo, afirma a Polícia Federal

SÃO PAULO - A Polícia Federal (PF) de São Paulo prendeu, na tarde de terça-feira, um grupo de pessoas suspeitas de ligação com o contrabando de mercadorias estrangeiras para comerciantes da rua 25 de Março, localizada na região central de São Paulo.

Redação |

Acordo Ortográfico

Entre os presos, segundo a PF, estaria o maior fornecedor da região, identificado apenas como J.N, dono de diversos depósitos na região. A polícia apreendeu ainda cerca de 300 toneladas de produtos ilegais avaliados em cerca de R$ 5 milhões.

De acordo com a PF, a quadrilha atuava em São Paulo e Guarulhos, na Grande São Paulo. Eles adquiriam diversas mercadorias contrabandeadas - principalmente do Oriente Médio -, falsificavam notas fiscais para passar pelas fiscalizações e as repassavam, ainda segundo a polícia, para os comerciantes menores.

Os presos foram encaminhados para uma prisão não divulgada e podem pegar até quatro anos de prisão.

Leia também:

Leia mais sobre: operações da PF

    Leia tudo sobre: polícia federal

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG