A polícia gaúcha prendeu nesta sexta-feira o segundo suspeito de participação no assassinato do secretário da Saúde de Porto Alegre, Eliseu Santos.

O rapaz, de 21 anos, foi capturado dentro de um ônibus que seguia de São Leopoldo, na região metropolitana de Porto Alegre, para Cruz Alta, no noroeste do Estado.

Ele tinha um ferimento na nádega, resultado de um dos tiros desferidos pelo secretário durante o confronto.

Outro assaltante, de 22 anos, também ferido, havia se entregado um dia antes. A polícia ainda procura o terceiro participante do ataque.

O confronto ocorreu na sexta-feira passada. Ao sair de um culto evangélico à noite, Santos percebeu que seria assaltado e trocou tiros com a dupla que se aproximava para cercá-lo. O secretário foi atingido no peito e morreu na hora. Os assaltantes entraram num carro e fugiram.

Leia também:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.