Preso no Rio acusado de matar 14 pessoas na Paraíba

A Polícia Federal prendeu na noite de ontem no Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, no Rio, Nadilson Costa de Araújo, conhecido como Cachorrão, acusado de matar 14 pessoas na Paraíba. Ele foi detido enquanto aguardava a chegada de sua esposa.

Agência Estado |

De acordo com relatório da Polícia Militar, Araújo é suspeito de, entre os anos de 2002 e 2003, cometer vários assassinatos e roubos a entidades comerciais como postos de combustível, mercadinhos e restaurantes.

Ainda segundo a PM, ele também é acusado de expulsão de famílias inteiras de suas residências sob ameaça de morte, porte ilegal de armas de fogo, uso de entorpecentes e formação de quadrilha. Contra ele, a Polícia Federal cumpriu mandado de prisão expedido pela Vara de Guarabira, na Paraíba. Araújo é acusado também de liderar uma quadrilha de 27 pessoas, entre homens, mulheres e adolescentes.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG