Preso no Rio 7º suspeito de grupo de estelionatários

O suposto sétimo integrante de uma quadrilha de estelionatários foi preso hoje no Rio de Janeiro, segundo informou a Polícia Civil. Cláudio Mario Vilas Gomes foi preso quando saía de casa, em Belford Roxo.

Agência Estado |

Com ele foram apreendidos cartões bancários, cartões de crédito, contracheques, cheques em nome de pelo menos dez pessoas, além de um carro, produto de estelionato. A quadrilha foi presa começou a ser desarticulada na sexta-feira por policiais da 64ª Delegacia de Polícia (DP), em Vilar dos Teles. Na ocasião, foram presos três homens e três mulheres.

Cláudio, de 31 anos, foi autuado por estelionato, formação de quadrilha, falsificação de documento público, falsificação de documento particular, falsidade ideológica e uso de documento falso. Na sexta-feira, Rita de Cássia dos Santos Pereira, de 45 anos, foi detida ao sair de um banco onde tentava obter financiamento com documentos falsificados, para comprar um veículo. Com ela foram presos Márcio Mendes dos Santos, de 42 anos, e Rose da Silva Valentim, de 47.

Em São João de Meriti, em uma agência de automóveis, também foram presos Eduardo dos Santos Fugazza, de 49 anos, Sidney do Nascimento Crescencio, de 34, e Mônica Granete dos Santos, de 35 anos, apontada como a chefe da quadrilha. Todos foram autuados por estelionato, receptação, formação de quadrilha, falsificação de documento público e particular e falsidade ideológica.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG