Preso homem que abastecia caixas com dinheiro falso

Foi preso na noite de ontem, na Barra Funda, zona oeste da capital paulista, um funcionário da empresa de transportes de valores Prosegur. Gilberto Lopes da Silva é acusado de trocar notas verdadeiras de dinheiro por falsas, nos caixas eletrônicos do Banco do Brasil, segundo informações do policial militar Adam Augusto Antunes.

Agência Estado |

Silva foi preso após investigações da própria empresa, que desconfiou do funcionário, após várias ocorrências de notas falsas encontradas nos caixas eletrônicos abastecidos por ele. Segundo depoimento do detido aos policiais, há cerca de 20 dias ele estava fazendo a troca do dinheiro. Ainda segundo o preso, ele obtinha as notas falsas com um homem de nome Cunha, em um bar de Capão Redondo, zona sul da cidade. Segundo a polícia, ele já teria trocado cerca de R$ 15 mil em notas verdadeiras.

Os policiais foram acionados por volta das 19 horas de ontem pela própria Prosegur, após encontrarem com o funcionário algumas das notas falsas. Ao todo, a polícia apreendeu 411 notas falsas de R$ 50,00; 07 notas verdadeiras de R$ 100,00; 336 notas verdadeiras de R$ 50,00; uma nota verdadeira de R$ 20,00; e uma nota verdadeira de R$ 10,00. O suspeito e o dinheiro foram encaminhados à sede da Polícia Federal, na zona oeste da capital.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG