Um laminador de 31 anos foi preso por ameaçar e manter sua mulher em cárcere privado em Sorocaba, no interior de São Paulo. O fato aconteceu em plena noite de Natal.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o suspeito trancou a vítima no banheiro do apartamento em que moravam, na Vila Jardini. O filho da mulher ouviu os gritos e viu que o padrasto apontava uma faca para o pescoço dela.

Eles tentaram negociar durante uma hora e meia. Quando o agressor se cansou, pediu um telefone celular e uma bermuda para libertá-la. A Polícia Militar (PM) foi acionada assim que o homem deixou a residência. O laminador foi preso e autuado em flagrante por cárcere privado, lesão corporal e violência doméstica. Ele será transferido para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Sorocaba.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.