Uma quadrilha composta por dez pessoas foi presa em flagrante ontem em Lins, no interior de São Paulo, acusada de estelionato, após denúncia de uma das vítimas. O bando costumava aplicar golpes em idosos, oferecendo cura de doenças através de remédios caseiros e benzeduras, em um quarto de hotel localizado no centro da cidade, segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP).

As vítimas eram abordadas na rua, quando os homens prometiam a cura para diversas doenças. Os que eram convencidos iam até um quarto do hotel, localizado no centro da cidade, onde eram mantidas imagens de santos, velas, frascos e outros objetos. Com a promessa de cura, a quadrilha conseguiu receber de uma das vítimas R$ 12.400.

Com exceção do dono do hotel, todos os homens moravam na Bahia e, no momento da prisão, disseram atuar também na capital paulista e regiões de São José do Rio Preto e Marília. Os golpes também eram aplicados no Distrito Federal, na região de Anápolis, em Goiás, e em diversas cidades da Bahia. Todos foram encaminhados à Cadeia Pública da região.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.