BELO HORIZONTE - Uma jovem cearense foi presa no Aeroporto de Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte, portando cerca de 15 mil comprimidos de ecstasy, 4 mil micropontos de LSD e um quilo de skunk (maconha produzida em laboratório).

Segundo a Polícia Federal (PF), a universitária, de 22 anos, vinha de Barcelona, na Espanha, quando foi abordada por uma fiscalização de rotina da Receita Federal no desembarque do aeroporto.

Segundo ela, alguns brasileiros em Barcelona a abordaram e ofereceram cerca de R$ 20 mil para que realizasse o transporte das drogas até o Brasil, onde o pagamento seria efetuado.

Leia mais sobre: drogas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.