SÃO PAULO ¿ O 2º Prêmio Cunhambebe de Literatura Estrangeira anunciou dez finalistas, que concorrem ao prêmio de melhor ficção estrangeira contemporânea publicada em 2008 no Brasil. O vencedor será divulgado em outubro.

Os finalistas são "História do Pranto", de Alan Pauls (Cosac Naify), "O Encontro", de Anne Enright (Objetiva), "O Tigre Branco", de Aravind Adiga (Nova Fronteira), "O Pintor de Batalhas", de Arturo Pérez-Reverte (Cia das Letras), "Porta do Sol", de Elias Khoury (Record), "Um Romance Russo", de Emmanuel Carrère (Objetiva), "Ciências Morais", de Martín Kohan (Cia das Letras), "Homem no Escuro", de Paul Auster (Cia das Letras), "Fantasma Sai de Cena", de Philip Roth (Cia das Letras), e "Putas Assassinas", de Roberto Bolaño (Cia das Letras).

O romance As Benevolentes (Editora Objetiva / Alfaguara), de Jonathan Littell (França), foi o vencedor da primeira edição do prêmio, em 2007. "Na Praia" (Cia das Letras), de Ian MacEwan, ficou em 2º e "O Passado" (Ed. Cosac Naify), de Alan Pauls, em 3º lugar. Mais informações no site oficial .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.