Prefeitura do Rio quer dobrar malha de ciclovias na cidade

RIO DE JANEIRO - Além da bela vista para a cidade do Rio de Janeiro e o ar fresco da Floresta da Tijuca, os ciclistas que frequentam a Estrada da Vista Chinesa, ganharam neste domingo um incentivo a mais para a prática do esporte. Sete quilômetros da via, que é um dos trechos mais frequentados na floresta, contam com nova sinalização.

Agência Brasil |

Beth Santos/Divulgação

Eduardo Paes percorre trajeto de bicleta

Placas a cada 500 metros orientam os motoristas e ciclistas para o uso compartilhado da estrada e pinturas no chão indicam a velocidade máxima de 40 quilômetros por hora para os automóveis. A sinalização foi inaugurada pelo prefeito Eduardo Paes e faz parte do plano de dobrar a extensão das ciclovias da cidade, atualmente em 150 quilômetros, até 2012.

Queremos intensificar cada vez mais o transporte cicloviário no Rio que pode desafogar o trânsito e faz bem para saúde. Assumimos o compromisso de dobrar essa malha até o final o governo, com auxílio do ITDP [sigla para Institute for Transportation and Development Policy], afirmou.

Com esse objetivo, Paes assinou um convênio para estudo e implantação de ciclofaixas com o ITDP, representado pelo ex-prefeito de Bogotá, Enrique Peñalosa, com quem, ao lado de atletas, percorreu de bicicleta, o trecho entre a Vista Chinesa e a residência oficial da prefeitura na Gávea Pequena.

Após o passeio, a secretária estadual do Ambiente, Marilene Ramos, também se comprometeu a ampliar as ciclovias no Estado do Rio, por meio de convênio com o ITDP.

Para a cidade do Rio, estão em estudo, pelo menos, mais quatro ciclovias, na zona oeste, totalizando 48 quilômetros. Nos próximos dias, duas ciclofaixas estarão prontas em Copacabana, zona sul, dando acesso às estações de metrô do bairro.

Leia mais sobre: bicicletas

    Leia tudo sobre: bicicletaseduardo paes

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG